Acesso Rápido

Prestação de contas

Licitações

Editais e Contratos

Diário oficial

Iluminação Pública

Portal da transparência    

Notas fiscais    

PREVIPER    

Notícias

11/01/2016
Prefeito dá posse aos novos conselheiros tutelares
Assistência Social - Assistência Social

Prefeito dá posse aos novos conselheiros tutelares

Eles ficam no cargo até 2019


Os cinco conselheiros tutelares que irão atuar em Perdões nos próximos 3 anos tomaram posse do cargo, na tarde do último domingo (10), durante solenidade no gabinete do prefeito Fernando Piau. Eleitos em outubro do ano passado, assumiram os cargos Raíssa (filha do lei pedreiro, com 102 votos), Dirlene dos Reis (91 votos), irmão Sedinei (76 votos), Renato da Pinguim (66) e Rosana (da Lurdinha, com 65).

“Que eles trabalhem em conjunto para garantir os direitos dos menores, proporcionando mais oportunidades”. Esse foi o recado que o prefeito deu aos novos membros do Conselho Tutelar.

A presidente do CMDCA (Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente), Tamara Guimarães, disse que os novos conselheiros precisam mudar a imagem que o Conselho vinha apresentando à sociedade e trabalhar unidos para o bem comum da juventude perdoense.

Depois de empossados, os conselheiros optaram por seguir as recomendações do processo e elegeram Raíssa, a candidata mais bem votada, como a nova presidente do Conselho Tutelar.

O secretário municipal de Assistência Social, Renan Siqueira, se colocou à disposição do Conselho Tutelar para formar parceiras para trabalhar com o público infanto-juvenil.

Passada a solenidade de posse, a conselheira Dirlene dos Reis desistiu do cargo alegando questões pessoais. Quem assumiu o lugar dela foi o primeiro suplente, Jhonatan Silva, que recebeu 54 votos na eleição do ano passado.

De acordo com a Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, os conselheiros tutelares são responsáveis por defender crianças e adolescentes com direitos violados. No exercício das atividades, atuam no combate a situações de negligência, exploração sexual e violência física e na fiscalização e aplicação das políticas públicas direcionadas à infância e à adolescência.

Os conselhos tutelares são órgãos autônomos e permanentes, que integram a administração pública.

Antes da posse, os cinco novos conselheiros tutelares de Perdões e os cinco suplentes passaram por uma capacitação, nos dias 7 e 8 , para que tenham um conhecimento prévio do que irão encontrar no dia a dia. A orientadora foi Maduca Lopes, reconhecida nacionalmente pelo seu conhecimento e didática sobre o funcionamento do Conselho Tutelar.

 

Tempo em Perdões

Enquete